Pra que bater de frente?

Posted on 09/12/2009

0


Os dois autores do livro “A Estratégia do Oceano Azul”, W. Chan Kim e Renée Mauborgne, pregam que pode haver um “oceano azul” inexplorado de oportunidades fora do “oceano vermelho” cheio de concorrentes e pouco market share. Mas como criar seu próprio oceano azul?

Quando uma empresa cria algo realmente inovador, o processo parece mágico e muitas pessoas atribuem o sucesso à sorte. Apple e Google, dois maiores exemplos de inovação, não apareceram magicamente, mas sim com muito suor. Realmente, parte desse sucesso é sorte, mas boa parte é a capacidade dos empreendedores de entenderem certos passos para chegar até lá.

Primeiramente deve-se reivindicar mercado, construindo novos padrões e criando uma identidade. Depois deve-se estabelecer uma dominância competitiva, muitas vezes buscando alianças com grandes corporações com mais poder de fogo. Por fim, deve-se controlar o mercado, a fim de estar à frente da concorrência da forma mais completa possível.

Logicamente que não é uma receita simples como parece, mas é um começo para quem sonha em um dia mudar o mundo de alguma maneira. “Mudar o mundo” parece algo impossível e utópico, mas qualquer coisa que façamos para melhorar a qualidade de vida das pessoas estaremos andando nesse caminho.

inovação

Posted in: Sem categoria